Bruno de Carvalho arrasa TVI

Em conferência de imprensa, Bruno de Carvalho arrasa TVI, faz exigências e atira: “Foi a chacina de um homem”, referindo-se ao Big Brother

Bruno de Carvalho
Autor: Adília Vieira | 16 de Fevereiro de 2022

Bruno de Carvalho deu uma conferência de imprensa esta 4ª feira onde teve duras críticas à TVI, após a sua saída do Big Brother.

O antigo presidente do Sporting diz que houve uma mudança na forma como era visto e tratado, desde que iniciou o seu relacionamento com a concorrente Liliana Almeida.

“Esta última gala foi uma vergonha nacional. Destruiu-se um homem na última gala. O homem que levou o programa às costas e que compreendia o jogo. As pessoas estavam felizes pelo que estavam a ver.

O jogo para mim era de estratégia básica, foi ‘boring’ [secante]. Não me era motivador de grandes raciocínios… Fui-me sentindo cada vez mais que era uma persona non grata, sentia através do tratamento da mudança de voz das pessoas, ia estando ali num limbo de gratidão pela oportunidade que me deram de conhecer a Lili mas, a certa altura, cheguei a perguntar: que mal vos fiz para me estarem a fazer isto a mim e à Lili? E aquilo que ouvia sempre era ‘confie em nós, confie em nós’”, afirmou.

“Há uma altura crucial que é quando a Catarina diz à Lili e a mim que conhece o Big pessoalmente. De repente, materializou-se para a Lili uma voz numa pessoa que a amiga de 15 anos dizia que era impecável e que a conhecia pessoalmente. Não sei se isso passou, mas é um facto”, acrescentou.

Bruno de Carvalho também referiu que iria pedir as gravações do programa à TVI e à Endemol, uma vez que houve muitas coisas que não passaram para o público. Denunciou aquilo que considera ter sido uma pressão extra sobre o casal.

“Os jogos todos que eram feitos, eu e a Lili éramos sempre colocados numa pressão adicional. Isto deixou de ser um jogo da vida real para ser uma chacina de um homem que não se pode defender na plenitude porque a pessoa que o pode defender está presa numa casa”, concluiu.

Deixe o seu comentário