academia do Sporting, , , , "/>
últimas

Bruno de Carvalho detido pela GNR

Publicado por Vítor Santos em 11 de Novembro de 2018 | 19:08

Bruno de Carvalho e líder da Juve Leo detidos para interrogatório sobre o caso de Alcochete

Bruno de Carvalho

Siga-nos através do Facebook




A detenção pela GNR para interrogatório pelo juiz do Tribunal do Barreiro aconteceu às 17h45. Neste momento decorrem buscas na sede da Juve Leo (junto à entrada do Alvaláxia).

É uma notícia de última hora que está a ser dada pela CMTV (Correio da Manhã TV). O ex-presidente do Sporting e o líder da Juve Leo, Nuno Mendes (conhecido pela alcunha de Mustafá) foram detidos para interrogatório sobre os acontecimento na Academia de Alcochete, de 15 de maio.

Ambos deverão ser ouvidos pelo juiz no Tribunal do Barreiro esta segunda-feira.

No passado dia 15 de maio, no centro de estágio, elementos do Sporting (da claque leonina e não só)   encapuzados agrediram jogadores do Sporting, como Rui Patrício, entre outros jogadores, fisioterapeutas, um scout e um preparador físico.

A investigação está a ser levada a cabo pela GNR.

“Cerca de 50 elementos que trajavam roupas escuras e alusivas ao Sporting Clube de Portugal, todos de cara tapada, que rapidamente forçaram a entrada no balneário”.

Neste momento decorrem buscas na sede da Juve Leo (junto à entrada do Alvaláxia).

Recorde-se que o Jornal Económico noticiou em maio que o Sporting CP confirmou que a Juve Leo queria “apertão” a jogadores e que Bruno respondeu: “Não. Não. Temos de lá ir falar todos”.

De acordo com a notícia de maio do Jornal Económico, o presidente do Sporting reuniu com os núcleos da juventude leonina a 7 de abril, dois dias após a derrota com o Atlético de Madrid (2-0). No encontro, as claques reclamaram uma festa de homenagem a Fernando Mendes (ex-líder da Juve Leo), que voltou a ser recusada por Bruno de Carvalho.

O ambiente azedou e subiu de tom quando confrontaram o presidente do clube com a derrota no jogo dos quartos-de-final da Liga Europa, tendo os líderes da Juve Leo lançado repto: “Presidente, temos de lá ir dar-lhes um apertão”. Bruno de Carvalho respondeu: “Não. Não. Temos de lá ir falar todos”.


Deixe o seu comentário

Leia também

Notícias relacionadas
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE