Bruno de Carvalho deu o dito por não dito

Bruno de Carvalho volta atrás na palavra dando o dito por não dito: querem guerra. Eu compro! Vou impugnar a Assembleia Geral e vou a eleições

Autor: Vítor Santos | 24 de Junho de 2018

Bruno de Carvalho deu o dito por não dito e vai concorrer às próximas eleições do Sporting. Numa publicação na sua página pessoa no Facebook, o anterior presidente dos ‘leões’ criticou Torres Pereira e Sousa Cintra, o “homem do tremoço”.

“Não Sousa Cintra, não és o Presidente da SAD pois para isso tens de passar por muitos passos. Agora acabou. Querem guerra. Eu compro! Vou impugnar a AG e o Presidente da SAD ainda sou eu!”, escreveu Bruno de Carvalho.

Sobre o seu recuo na decisão de não ser candidato, o anterior presidente do Sporting explicou que o seu amor pelo clube falou mais alto. O objetivo é ter um Sporting “sem Viscondes ou com eles remetidos ao seu lugar: calados!!!”

“Por muito que me queira afastar, não consigo! Bem sei o que disse amargurado, traído, ferido, que não queria ser mais adepto nem sócio, mas não consigo… Amo-te Sporting CP e quero continuar a acreditar num Sporting CP sem Viscondes ou com eles remetidos ao seu lugar: calados!!!”, atirou.

Na mesma publicação, Bruno de Carvalho garantiu que vai inpugnar a Assembleia-Geral que votou a sua destituição de presidente do Sporting, depois de ouvir a conferência de imprensa da Comissão de Gestão que nomeou Sousa Cintra como presidente da SAD e Torres Pereira como presidente do clube.

“Esta conferência de imprensa tirou-me do sério! Abutres arrogantes… Vocês são do Campo Grande Futebol Club… Nós somos do Sporting Clube de Portugal! Um Clube popular e não de Cascais ou de semi-ricos!!!”, escreveu.

A Comissão de Gestão do Clube, liderada por Artur Torres Pereira, anunciou hoje que o antigo presidente do Sporting José Sousa Cintra tinha sido nomeado para a presidência da SAD do emblema lisboeta, em substituição de Bruno de Carvalho, na sequência da votação para a destituição do Conselho Diretivo.

Após o término da AG, Bruno de Carvalho tinha dito aos sócios que não se candidatava “de certeza”, depois de a destituição do Conselho Diretivo por si liderado ter sido aprovada no sábado com 71,36% de votos favoráveis, contra 28,64% de votos no sentido da sua continuidade.

“Podia impugnar esta AG por todas as ilegalidades cometidas: sim. Mas não o vou fazer. Era só o adiar o ter de devolver o clube a quem nele mesmo manda”, escreveu Bruno de Carvalho, num outro texto publicado hoje de madrugada na rede social Facebook.

Eis o post de Bruno de Carvalho

“Calma. O homem do tremoço vai ser Presidente do quê? Da SAD???

Chega!!!!

Se é assim que o Torres Pereira quer então vou à luta!

Não Sousa Cintra, não és o Presidente da SAD pois para isso tens de passar por muitos passos.

Agora acabou. Querem guerra. Eu compro! Vou impugnar a AG e o Presidente da SAD ainda sou eu!

Vou a eleições. Vamos ver quem vence. Se são a maioria dos sócios ou os “podres” e os Viscondes!

Eu vou à luta!

Por muito que me queira afastar, não consigo! Bem sei o que disse amargurado, traído, ferido, que não queria ser mais adepto nem sócio, mas NÃO consigo… Amo-te Sporting CP e quero continuar a acreditar num Sporting CP sem Viscondes ou com eles remetidos ao seu lugar: calados!!!

Eu vou impugnar, como sócio esta AG, e vou a eleições. E se estes tipos da putativa comissão disciplinar me quiserem expulsar de sócio, dia 30 encontramo-nos na AG pois tenho direitos que não vou abdicar! Chega de afinações!

Eu bem queria mas não consigo. Eu fico com o ordenado congelado, sem receber nada de nada, mas vou à luta pelos milhares que não querem mais os Viscondes ou aqueles que querem assaltar o Sporting CP!

Eu posso perder mas sim: não vou desistir!

Até que os sócios me abandonem em definitivo quero acreditar que pode existir um Sporting CP renovado e sem Viscondes!

Esta conferência de imprensa tirou-me do sério! Abutres arrogantes…

Vocês são do Campo Grande Futebol Club… Nós somos do Sporting Clube de Portugal! Um Clube popular e não de Cascais ou de semi-ricos!!!”

Deixe o seu comentário
Leia também