celulas, , , , " />
últimas

Células estaminais permitem tratar muitas doenças

Publicado por Adília Vieira em 20 de Março de 2019 | 14:48

Criopreservação das células estaminais permitem tratar mais de 80 doenças no futuro

Células estaminais

Siga-nos através do Facebook

Atualmente, aquando do nascimento de um filho os pais podem decidir se querem ou não criopreservar as células estaminais do bebé. Uma decisão importante, já que as células estaminais do cordão umbilical permitem tratar mais de 80 doenças no futuro. Mas, afinal, o que significa criopreservar as células estaminais e quais os seus benefícios?

O que são células estaminais

As células estaminais têm o notável potencial de se desenvolverem em muitos tipos diferentes de células durante o início de vida e crescimento de um ser vivo.

Em muitos tecidos, estas células têm uma espécie de sistema de reparação interno, dividindo-se sem limite para reabastecer outras células. É esta capacidade única que tornam estas células tão importantes para a saúde. As suas características permitem a reparação de tecidos danificados, assim como a substituição de células que vão morrendo ao longo da vida.

Dadas as suas capacidades únicas, as células estaminais constituem uma alternativa terapêutica para o tratamento de doenças. No caso das células do sangue do cordão umbilical , estas são já usadas no tratamento de mais de 80 doenças.

Por outro lado, as células do tecido do cordão umbilical têm um enorme potencial terapêutico e podem ser usadas em transplantes conjuntos com células do sangue do cordão e da medula óssea.

Atualmente, as células estaminais podem ser criopreservadas até um período de 25 anos, e usadas mais tarde no tratamento de doenças da própria criança ou de familiares compatíveis.

O que é a criopreservação?

A criopreservação consiste em conservar as células por longos períodos de tempo, a baixas temperaturas (-196º C), sem que estas percam a sua viabilidade. Atualmente, as células estaminais do sangue e do tecido do cordão umbilical são armazenadas durante 25 anos, pois é este o período em que, de acordo com estudos recentes, a sua viabilidade se encontra assegurada.

A colheita é feita após o parto, sem qualquer dor ou risco para a mãe ou bebé.

A decisão de guardar ou doar as células estaminais

Durante a gravidez, os pais deverão informar-se e ponderar uma das quatro opções:

1. Doar das células estaminais do cordão umbilical a um Banco Público

As amostras são doadas com o objetivo de criar um registo de dadores que possa beneficiar doentes que necessitam de células estaminais de terceiros. As amostras são de propriedade pública, não tendo a família direito sobre a amostra doada. Nem todos os hospitais e clínicas se encontram habilitados a participar no sistema de doação para uso público. Deverá verificar junto da autoridade competente nacional ou com o seu médico a lista de centros de colheita disponíveis.

2. Guardar as células estaminais do cordão umbilical num Banco Familiar

A amostras de células estaminais será utilizada para tratamento em caso de necessidade pela criança ou familiares compatíveis. Em casos de irmãos, a probabilidade de compatibilidade é de 25%, ao passo que entre pessoas não relacionadas esse valor é inferior a 0,01%1.

3. Doar as células estaminais do cordão umbilical para Investigação

As amostras de células estaminais são doadas a um Banco onde ficarão disponíveis para projetos de investigação, que visam encontrar novas respostas para doenças, muitas atualmente sem cura, através de terapias celulares.

4. Desperdiçar do cordão umbilical

Saiba mais sobre doar ou guardar as células estaminais

“As células estaminais do cordão umbilical são um recurso de enorme valor terapêutico. Como obstetra e mãe, acredito que estas células não devem ser desperdiçadas naquele momento único que é o parto, devendo ser guardadas em bancos familiares ou doadas para bancos públicos. A par das doenças já hoje tratáveis, existe um número impressionante de estudos clínicos a decorrer em áreas como a paralisia cerebral, o autismo ou a diabetes. Acredito que o futuro será promissor nas respostas que alguns desses estudos trarão às doenças que hoje ainda não têm um tratamento eficaz”, explica, Marcela Forjaz, Obstetra.

Vantagens das células estaminais do sangue do cordão umbilical

As células estaminais do sangue do cordão umbilical, quando comparadas com as da medula óssea, apresentam inúmeras vantagens, tais como:

– Maior aceitabilidade em termos de compatibilidade entre dador e doente.

– Menor risco de doença do transplante contra o hospedeiro.

– Disponibilidade imediata das células para transplantação.

– A recolha do sangue do cordão umbilical é feita através de um processo simples, sem riscos envolvidos, tanto para a mãe como para o bebé.

Que doenças podem ser tratadas com as células estaminais?

As células estaminais podem ser usadas no tratamento de diversos tipos de doenças, como doenças oncológicas, hemoglobinanopatias, doenças metabólicas, imunodeficiências, deficiências medulares, entre outras.

A nível mundial já foram realizados mais de 40 mil transplantes recorrendo às células estaminais do sangue do cordão umbilical para o tratamento de doenças das tipologias acima indicadas. Oitenta por cento destes transplantes foram realizados nos últimos 10 anos.

Segundo dados de 2011, mais de 500 crianças europeias com doenças hemato-oncológicas foram transplantadas com células estaminais do sangue do cordão umbilical de um dador familiar com sucesso.

Em Portugal, o primeiro transplante com células estaminais foi realizado em 1994 no IPO de Lisboa.

“Atendendo a que a nossa longevidade vem gradualmente aumentando, a probabilidade de virmos a padecer, não só de doenças oncológicas como da falência de algum órgão, é cada vez maior, a importância da criopreservação de células estaminais em quantidades relativamente grandes e com morbilidade desprezível é cada vez mais relevante, tenhamos nós o engenho e arte de as sabermos manipular. É todo um admirável mundo novo à nossa disposição”, afirma Luís Carvalho, Ginecologista Obstetra.


Deixe o seu comentário

Leia também

Notícias relacionadas
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE