Coldplay em Coimbra com concertos esgotados

Mais de uma década depois, os Coldplay vão regressar a Portugal para quatro concertos em Coimbra – e já não há bilhetes

Coldplay
Autor: Adília Vieira | 25 de Agosto de 2022

Um, dois, três, quatro: durante a manhã desta quinta-feira, dia 25 de agosto, à medida que foram esgotando, foram anunciados novos concertos dos Coldplay no Estádio Cidade de Coimbra. No total, a banda britânica vai dar quatro espetáculos em Portugal (17, 18, 20 e 21 de maio de 2023 – no dia 19, o grupo faz um ‘intervalo’) e já não há bilhetes.

A primeira data (17 de maio) esgotou em 15 minutos e os bilhetes para o segundo (19 de maio) e terceiro concerto (20 de maio) esgotaram em cerca de 25 minutos cada. Já as entradas para a quarta e última data foram vendidas durante a tarde –  só estão disponíveis três pacotes VIP.

200 mil pessoas: um recorde nacional

Ao SAPO Mag, a promotora confirmou que cada concerto vai contar com 50 mil pessoas. No total, serão 200 mil pessoas que vão passar pelo Estádio Cidade de Coimbra nos dias 17, 18, 20 e 21 de maio, sendo a maior audiência de sempre para uma banda/ artista em Portugal – até agora, o recorde pertencia Ed Sheeran que, em 2019,  juntou 120 mil pessoas em dois concertos no Estádio da Luz, em Lisboa.

A digressão europeia dos Coldplay de 2023 arranca em Portugal, com quatro concertos em Coimbra, seguindo por Espanha, Itália, Suíça, Dinamarca, Suécia e Países, além de incluir espetáculos no Reino Unido, em Manchester e Cardiff, onde já estão a ser também marcadas datas adicionais.

Filas de espera com… 450 mil pessoas online

A presidente executiva da plataforma Ticketline, Ana Ribeiro, disse  à Lusa que a procura por bilhetes para os concertos de Coldplay em Portugal atingiu um nível histórico, sem precedentes no país. “É inédito em Portugal, nunca houve tanta procura para um evento em Portugal!”, escreveu Ana Ribeiro, numa curta mensagem enviada à Lusa, depois de questionada sobre se havia registo de procura semelhante em casos anteriores.

Antes das 10h00 desta quinta-feira, momento em que foram postos à venda os bilhetes para o concerto de 17 de maio de 2023 de Coldplay no Estádio Cidade de Coimbra, já havia filas online e em lojas físicas.

Depois das 12h00, na Ticketline, havia uma indicação acima de 450 mil senhas para comprar um bilhete especificamente para os concertos dos britânicos.

A plataforma de bilheteira da FNAC estava indisponível, depois de várias tentativas de acesso pela Lusa, e a See Tickets, para onde encaminha o site da promotora Everything is New, dava uma resposta de tráfego “muito intenso”, colocando os utilizadores também em fila de espera.

A digressão da banda destaca-se por um conjunto de iniciativas de sustentabilidade. “A produção do espetáculo utiliza energia 100% renovável em quase todos os locais, traz consigo o primeiro sistema de geradores em ‘tour’ no mundo, feito a partir de 40 baterias de carros elétricos BMW; bicicletas motorizadas e pistas de dança cinéticas, que permitem aos fãs fazerem parte do espetáculo, criando energia através das mesmas, painéis solares e turbinas eólicas em cada espetáculo […]. Por cada bilhete vendido é plantada uma árvore”, frisam em comunicado.

A banda de rock criou o ‘site’ sustainability.coldplay.com, no qual está disponível informação sobre estas iniciativas.

Criados em janeiro de 1998, em Londres, os Coldplay assinaram o primeiro contrato discográfico um ano depois, quando já estavam a abrir para bandas como Catatonia e a passar na Radio 1 da BBC.

A banda lançou o primeiro disco, intitulado “Parachutes”, em 2000, ano em que fizeram a primeira digressão em nome próprio, apenas no Reino Unido, onde esgotaram a totalidade das datas.

Desde então, já lançaram mais oito discos de estúdio e passaram múltiplas vezes por Portugal, desde o festival Paredes de Coura em 2000 até 2012, no Estádio do Dragão, no Porto.

Fiquem com o videoclipe Viva La Vida

Deixe o seu comentário