corrupção, , , , , , "/>
últimas

Governo dá milhões a empresas que roubaram o Estado

Publicado por Vítor Santos em 28 de Fevereiro de 2019 | 23:31

Governo entrega maior obra ferroviária em 100 anos a empresas condenadas por roubar o Estado, através de ajuste direto

António Costa

Siga-nos através do Facebook




A ligação ferroviária do porto de Sines à fronteira de Elvas, “a maior obra ferroviária dos últimos 100 anos”, como foi classificada pelo Governo, vai ser executada por empresas acusadas e até condenadas por roubarem o Estado.

A Infraestruturas de Portugal foi lesada em milhares de euros, mas após a acusação já entregou quase dois milhões em empreitadas por ajuste direto às empresas acusadas de a roubar. São as mesmas que agora venceram o concurso público internacional para o corredor internacional sul: a obra de 400 milhões que vai ligar aqueles dois pontos do país por ferrovia.

A Autoridade da Concorrência diz que em 2014 e 2015, durante um concurso público para a manutenção da ferrovia, as construtoras Somague, Mota-Engil, Comsa, Vossloh e Teixeira Duarte combinaram apresentar propostas com valores acima do limite. O regulador diz ainda que, noutro concurso, as mesmas empresas repartiram os lotes entre si para que ninguém fosse excluído.

Essas mesmas empresas que agora venceram o concurso público para o corredor internacional sul vão realizar a obra de 400 milhões que vai ligar o Porto de Sines à fronteira de Elvas, na maior obra ferroviária dos últimos 100 anos. Reportagem emitida no programa coordenado por Ana Leal.

Fica a reportagem em vídeo da TVI:


Deixe o seu comentário

Leia também

Notícias relacionadas
Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE