Infetados em Portugal pode ser cinco vezes superior

Publicado por Horta e Costa em 13 de Abril de 2020 | 11:31

Covid-19. Número real de infetados em Portugal pode ser cinco vezes superior aos casos confirmados pela Direção Geral de Saúde

Número real de infetados em Portugal pode ser cinco vezes superior aos casos confirmados pela DGS. Quem o diz são epidemiologistas do Imperial College, que criaram um tracker semanal para a evolução da Covid-19 e creem que  80% dos infetados em Portugal estão com sintomas ligeiros ou assintomáticos, pelo que não são diagnosticados, embora possam ser agentes de transmissão do vírus).

Os epidemiologistas, cujo trabalho é baseado em modelos científicos para estimar o número de infetados em vários países europeus, adiantam que, na semana que terminou a 4 de Abril, ao invés dos 5.354 casos que tinham sido confirmados em Portugal, existiam na realidade mais de 26 mil pessoas infetadas com o novo coronavírus. Juntando alguns dados mais atualizados até essa altura, o modelo estimava quase 39 mil infetados no país. Ou seja, mais do que o dobro do número total de confirmações avançadas no boletim da Direção-Geral da Saúde divulgado este domingo, 12 de Abril.

Em declarações ao “Jornal de Negócios”, Ruy Ribeiro, epidemiologista da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, acredita que, por esta altura, podemos estar a falar de 81.699 infetados em Portugal.

O novo coronavírus, detetado em Dezembro na China, já causou mais de 112 mil mortos em todo o mundo e infetou mais de 1,8 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Dos casos de infeção, quase 375 mil são considerados curados.

Depois de surgir na China, em Dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde a declarar uma situação de pandemia.

Em Portugal, segundo o balanço feito ontem pela Direção-Geral da Saúde, registam-se 504 mortos, mais 34 do que no sábado (+7,2%), e 16.585 casos de infeção confirmados, o que representa um aumento de 598 (+3,7%). Dos infetados, 1.177 estão internados, 228 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 277 doentes que já recuperaram.

Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 2 de Março, encontra-se em Estado de Emergência desde de 19 de Março e até ao final do dia 17 de Abril.

Deixe o seu comentário

Siga-nos através das redes sociais

últimas
Notícias Relacionadas
Leia também