Salário mínimo na PSP: 1000 euros garante Cabrita

Ninguém na PSP ganhará menos de mil euros a partir de janeiro, garante o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita

Eduardo Cabrita - Governo PS
Autor: Vítor Santos | 16 de Novembro de 2021

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, disse esta terça-feira que nenhum agente da Polícia de Segurança Pública (PSP) vai ganhar menos de mil euros por mês, a partir de janeiro de 2022.

A garantia foi dada esta manhã em declarações aos jornalistas, à margem da cerimónia comemorativa do 154.º aniversário do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa.

“Ninguém na PSP, com os suplementos a que tem direto, e com a atualização em cerca de 70 euros no subsídio de risco, ganhará menos de 1.000 euros a partir de janeiro do próximo ano. É um valor que significa o maior investimento numa área só”, afirmou o ministro.

Cabrita falou ainda sobre os índices de criminalidade, destacando uma redução substancial desde 2017. “Não tendo existido, entre 2011 e 2017, lei de programação de investimentos porque a solução governativa anterior tinha eliminado o investimento nas polícias, nós fazemos, ao fim de quatro anos, um balanço muito positivo da existência de uma lei de programação de investimentos”, disse.

Para além disso, também a videovigilância foi tema nestas declarações, com o governante a fazer uma avaliação “muito positiva” do recurso a esse tipo de elementos tecnológicos nos concelhos de Lisboa, Amadora e Vila Franca de Xira.

Leia também