Sócios do Sporting aprovam continuidade de Bruno de Carvalho

Publicado por Mtv notícias | Lusa em 17 de Fevereiro de 2018 | 23:55

Bruno de Carvalho pede boicote dos adeptos e comentadores afetos ao Sporting, à comunicação social O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, apelou hoje aos… [ ]

Bruno de Carvalho pede boicote dos adeptos e comentadores afetos ao Sporting, à comunicação social


O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, apelou hoje aos adeptos e aos comentadores afetos ao clube para que boicotem a comunicação social, afirmando que só assim a instituição será respeitada.

O dirigente, que momentos antes viu passarem em Assembleia Geral, com larga maioria, as alterações aos estatutos, ao regulamento disciplinar e a sua continuidade, disse que corresponderia aos apelos dos adeptos, de ser mais comedido, mediante condições.

Bruno de Carvalho dirigiu, então, um ataque à comunicação social, pedindo aos adeptos que não comprem mais jornais desportivos, que não vejam qualquer canal de televisão, que não seja a Sporting TV, e que os comentadores afetos ao clube abandonem de imediato os programas que integram.

“Vocês todos, de uma maneira geral, pediram para que fizesse alterações. Certo, estou nessa disposição, mas para fazer as alterações, expor-me menos, ir menos ao Facebook, os sportinguistas têm de se mobilizar na militância, que vou explicar o que é”, começou por dizer Bruno de Carvalho no Pavilhão João Rocha, em Lisboa.

Depois destas palavras, Bruno de Carvalho, apelou então ao boicote de adeptos e também de comentadores, justificando que no dia em que isso for cumprido o clube será respeitado de uma outra forma.

“No dia quem que os sportinguistas cumprirem estes pontos a comunicação social vai-nos respeitar de outra forma e não vai ser preciso ser o presidente do Sporting a atacar B, C ou D, vão ser 3,5 milhões de pessoas que não lhes vão ligar pevide”, justificou.

Bruno de Carvalho disse ainda que a AG de hoje foi a prova de que o Sporting está pujante e vivo e que não há volta atrás e que o assunto dos sportinguistas e sportinguistas ‘aziados’ terminou hoje.

“Que fique claro, a partir de hoje não há grupos, nem grupinhos, há órgãos sociais que têm a honra de vos servir”, acrescentou, dizendo que uma maioria silenciosa passou a “maioria ruidosa”.

No discurso final, Bruno de Carvalho disse também que os rivais andavam todos contentes porque lhes foram oferecer emails, mas que nada temia.

“Que fiquem desenganados os nossos rivais, que andam todos contentes porque lhe foram oferecer emails. Podem pôr todos os emails publicamente, nunca seremos a vergonha que eles são”, assinalou.

A continuidade dos órgãos sociais foi aprovada hoje em AG com 89,55% de votos favoráveis, numa reunião magna com a presença de quase 6.000 sócios. As alterações aos estatutos tiveram o aval de 87,3% e as mudanças ao regulamento disciplinar receberam a aprovação de 87,8%, ambos bem acima da maioria de três quartos exigida pelos estatutos.

Esta reunião magna aconteceu duas semanas depois de uma outra em que Bruno Carvalho foi confrontado com críticas às alterações propostas pelo Conselho Diretivo e acabou por retirar os pontos da discussão e abandonar a AG, marcando novo plenário para hoje.

 

Deixe o seu comentário

Siga-nos através das redes sociais

últimas
Notícias Relacionadas
Leia também