Gestão danosa e burla na TAP

Fernando Pinto - TAP

Ministério Público investiga gestão danosa e burla na TAP. Fernando Pinto e mais quatro pessoas são arguidos num processo